Apto Duplex 3 Dorm c/ 184m² ac - Bosque da Saúde - São Paulo / SP

Apto Duplex 3 Dorm c/ 184m² ac - Bosque da Saúde - São Paulo / SP

Modalidade: Online
Local do leilão: Rua Alberto Afonso Martins nº 75 - Vila Mariana / SP.
Leilão: Judicial
Leiloeiro: Renan Augusto Fernandes Guimarães
ID: 988
Data Abertura Fechamento
1º Leilão 04/10/21 às 15h00 07/10/21 às 15h00
2º Leilão 07/10/21 às 15h00 27/10/21 às 15h00

Lote 01 - Apto Duplex 3 Dorm c/184m² ac - Bosque da Saúde - São Paulo

  • Processo:0002705-98.2019.8.26.0003
  • Vara:3ª Vara Cível
  • Exequente:Maria Heloisa Cardoso Peters
  • Executado:Maria Helena Cardoso Peters

Descrição completa do lote:


Apto Duplex (Cobertura) 3 Dormitórios - 184m² área privativa - Bairro Bosque da Saúde - São Paulo / SP.

Imóvel: “APARTAMENTO N° 84-A, localizado no 8° andar do Edificio Morada da Árvore, situado na avenida Itaboraí, 321, na Saúde 21° subdistrito. UM APARTAMENTO, com área util coberta de 57,685 m², área útil descoberta de 54,563m², área comum coberta 37,50m², área comum descoberta de 34,36m², perfazendo um total de área construída de 184,008m².” Cadastrado na Prefeitura Municipal de São Paulo nº 309.036.0250-1. Matriculado sob nº 34.680 do 14º CRI de São Paulo/SP. Avaliação: R$ 837.829,00.

Imóvel: “BOX n°47, localizado na garagem no subsolo do Edificio Morada da Árvore, situado na Avenida Itaboraí n° 321 na Saúde 21° subdistrito. UM BOX, com área util de 12,65m², área comum de 21,32m², e área total contruída de 33,97m², corespondendo-lhe a fração ideal de 0,399474% no terreno”. Cadastrado na Prefeitura Municipal de São Paulo nº 309.036.0329-1. Matriculado sob nº 34.681 do 14º CRI de São Paulo/SP. Avaliação: R$ 47.171,00

Localização do Bem: Avenida Itaboraí n° 321 Apto 84 – Edifício Morada da Árvore – Saúde – São Paulo/SP.

Avaliação total dos bens: R$ 885.000,00 (fevereiro/2020).

O bem será vendido no estado de conservação em que se encontra, sem garantia, constituindo ônus do interessado verificar suas condições, antes das datas designadas para a alienação eletrônica.

VALOR MÍNIMO DA VENDA DO BEM: No primeiro leilão, o valor mínimo para a venda do bem apregoado será o valor da avaliação judicial (fls.62/106) correspondente a R$ 885.000,00 (fevereiro/2020), que, atualizado para o leilão, perfaz o montante de R$ 978.121,86. No segundo leilão, o valor mínimo para a venda do bem corresponderá a 60% (sessenta) do valor atualizado da avaliação judicial, correspondente a R$ 586.874,00 (Art. 891 do NCPC, Parágrafo único. Considera-se lance vil o preço inferior ao mínimo estipulado pelo juiz e constante do edital).

Edital do leilão
Formas de pagamento

PAGAMENTO E CONDIÇÕES DE VENDA: O arrematante efetuará o pagamento à vista.

Pagamento à vista: O depósito deve ser efetuado em até 24 hrs do encerramento do leilão, através de guia de depósito judicial do Banco do Brasil (Portal de Custas no site TJSP (www.tjsp.jus.br).

Pagamento parcelado: O interessado em adquirir o bem em prestações poderá apresentar, por escrito: (i) até o início do primeiro leilão, proposta por valor não inferior ao da avaliação do bem; (ii) até o início do segundo leilão, proposta por valor que não seja inferior a 60% do valor de avaliação atualizado. Ficando esta forma de pagamento sujeito a apreciação do M.M Juiz da causa, (Art. 895, §1, §2, §4, §5, §6, §7, §8, e §9 do NCPC). Condições: depósito do sinal igual ao superior a 25% do valor do lance vencedor, no prazo de 24 hrs do encerramento do leilão, através de guia de depósito judicial do Banco do Brasil, e o restante em até 30 parcelas*, corrigidas mensalmente pelo índice do TJSP e garantido por caução idônea (no caso de bens móveis), e pela hipoteca do próprio bem (no caso de bens imóveis). Propostas contendo pagamento parcelado não suspenderá o leilão (NCPC § 6° do art. 895). Propostas de pagamento à vista sempre prevalecerá sobre as propostas de pagamento parcelado.

COMISSÃO: A comissão devida ao leiloeiro será de 5% sobre o valor da arrematação, não se incluindo no valor do lanço. O depósito da comissão deverá ser feito no prazo de até 24 hrs do encerramento do leilão, na conta bancária indicada ao término a hasta pública. Decorrido o prazo sem que o arrematante tenha realizado o depósito, tal informação será encaminhada ao MM. Juízo competente para aplicação das medidas legais cabíveis.

VALOR MÍNIMO DA VENDA DO BEM: No primeiro leilão, o valor mínimo para a venda do bem apregoado será o valor da avaliação judicial (fls.62/106) correspondente a R$ 885.000,00 (fevereiro/2020), que, atualizado para o leilão, perfaz o montante de R$ 978.121,86. No segundo leilão, o valor mínimo para a venda do bem corresponderá a 60% (sessenta) do valor atualizado da avaliação judicial. (Art. 891 do NCPC, Parágrafo único. Considera-se lance vil o preço inferior ao mínimo estipulado pelo juiz e constante do edital).

ÔNUS: Débitos de IPTU/Dívia Ativa no valor de R$ 1.451,79, ref. a matricula nº 34.681 (Box de Garagem).

OBRIGAÇÕES DO ARREMATANTE: Eventuais débitos sobre o imóvel e todas as providências e despesas relativas à transferência do bem, tais como desocupação, ITBI, certidões, registro e outras despesas pertinentes, correrão por conta do arrematante, exceto eventuais débitos de IPTU e demais taxas e impostos, conforme o art. 130, “caput” e parágrafo único do CTN, (que possuem natureza “propter rem”), os quais ficam sub-rogados no preço da arrematação.

Mapa de localização
Leilão Judicial
StartUp Leilões
1º Leilão: 07/10/2021 às 15:00 R$ 978.121,86
2º Leilão: 27/10/2021 às 15:00 R$ 586.874,00
Incremento mínimo:
R$ 1.800,00
34% Abaixo da Avaliação
Avaliação:
R$ 885.000,00
Visitas:
418

Últimos lances:

Usuário Valor Data Tipo
Sem lances para exibir
Mapa de localização

Compartilhe esta oportunidade: