26 Hectares - Sitio Araguaia - Ponte Branca / MT

26 Hectares - Sitio Araguaia - Ponte Branca / MT

Modalidade: Online
Local do leilão: Rua Alberto Afonso Martins, 75 - Vila Mariana
Leilão: Judicial
Leiloeiro: Renan Augusto Fernandes Guimarães
ID: 1007
Data Abertura Fechamento
1º Leilão 24/01/22 às 13h00 27/01/22 às 13h00
2º Leilão 27/01/22 às 13h00 17/02/22 às 13h00

Lote 01 - 26 Hectares - Sitio Araguaia - Ponte Branca / MT

  • Processo:1000658-02.2016.8.26.0372
  • Vara:2ª Vara Cível de Monte Mor
  • Exequente:Banco do Brasil S/A
  • Executado:Alberto Silvestre e Outros

Descrição completa do lote:


Área Rural com 26 hectares - 345mts confrontando com o Rio Araguaia - Ponte Branca / MT

IMÓVEL RURAL – “Um lote de terras situado no Núcleo Colonial Couto Magalhães, no município de Ponte Branca/MT, com área de vinte e seis hectares (26,00,00has), dentro dos seguintes limites e confrontações: Foi tomado como ponto de partida o MP-01, de coordenadas UTM-SAD 1.969, iguais ou aproximadas a E-311.790,315m e N=8.157.284,100m. origem da quilometragem UTM – “Equador e Meridiano 57°W.GR”; Daí, segue em linha reta, dividindo com terras de Irani Nunes da Silva, com o azimute plano de 195°17´08” e distância de 61,50m, até o M-3, cravado na margem esquerda do Rio Araguaia e no final de um aramado; Daí, segue em linha sinuosa, a montante do Rio Araguaia a uma distância de 344,92m, até o M-4, cravado na margem esquerda do Rio Araguaia; Daí, segue em linha reta, dividindo com terras de posse de Alberto Silvestre, com o azimute plano de 345°32´55” e distância de 681,55m, até o M-5, cravado embaixo da um aramado; Daí, segue em linha reta, dividindo com terras de João Pedro Oscar Bindel e Sandoval Nogueira de Moraes, com azimute plano de 79°06´02” e distância de 501,35m, até MP-01, onde teve início esta descrição; dividindo em sua integridade com terras de Sandoval Nogueira de Moraes, Rio Araguaia, terras de João Pedro Oscar Bindel”. 

Matriculado sob nº 8.171 do 1º CRI de Alto Araguaia/MT. Conforme Avaliação: O local tem energia elétrica e água potável, localizado a aprox. 20km do perímetro urbano do Município de Ponte Branca/MT.

Avaliação: R$ 150.000,00 (Setembro/2020). Localização: Sítio Araguaia, Região de Couto Magalhães, Município de Ponte Branca / MT.

VALOR MÍNIMO DA VENDA DO BEM: No primeiro leilão, o valor mínimo para a venda do bem apregoado será o valor da avaliação judicial (fls.216/219) equivalente a R$ 150.000,00 (Setembro/2020). No segundo leilão, o valor mínimo para a venda do bem corresponderá a 70% (setenta) do valor da avaliação judicial, equivalente a R$ 105.000,00.

(Art. 891 do NCPC, Parágrafo único. Considera-se lance vil o preço inferior ao mínimo estipulado pelo juiz e constante do edital).

O bem será vendido no estado de conservação em que se encontra, sem garantia, constituindo ônus do interessado verificar suas condições, antes das datas designadas para a alienação eletrônica.

ÔNUS: Consta na referida matrícula Av.08 – Indisponibilidade do imóvel, ref. autos nº 0010659-42.2016.5.15.0144 em trâmite na Vara do Trabalho de Pederneiras – SP.

Edital do leilão
Formas de pagamento

PAGAMENTO E CONDIÇÕES DE VENDA: O arrematante efetuará o pagamento à vista.

Pagamento à vista: O depósito deve ser efetuado em até 24 hrs do encerramento do leilão, através de guia de depósito judicial do Banco do Brasil (obtida através do Portal de Custas no site TJSP (www.tjsp.jus.br).

Pagamento parcelado: O interessado em adquirir o bem em prestações poderá apresentar, por escrito: (i) até o início do primeiro leilão, proposta por valor não inferior ao da avaliação do bem; (ii) até o início do segundo leilão, proposta por valor que não seja inferior a 70% do valor de avaliação. Ficando esta forma de pagamento sujeito a apreciação do M.M Juiz da causa, (Art. 895, §1, §2, §4, §5, §6, §7, §8, e §9 do NCPC). Condições: depósito do sinal igual ao superior a 25% do valor do lance vencedor, no prazo de 24 hrs do encerramento do leilão, através de guia de depósito judicial do Banco do Brasil, e o restante em até 30 parcelas*, corrigidas mensalmente pelo índice do TJSP e garantido por caução idônea (no caso de bens móveis), e pela hipoteca do próprio bem (no caso de bens imóveis). Propostas contendo pagamento parcelado não suspenderá o leilão (NCPC § 6° do art. 895). Propostas de pagamento à vista sempre prevalecerá sobre as propostas de pagamento parcelado.

COMISSÃO: A comissão devida ao leiloeiro será de 5% sobre o valor da arrematação, não se incluindo no valor do lanço, a ser pago pelo arrematante no prazo de até 24 hrs do encerramento do leilão, na conta bancária indicada pelo leiloeiro. Decorrido o prazo sem que o arrematante tenha realizado o depósito, tal informação será encaminhada ao MM. Juízo competente para aplicação das medidas legais cabíveis.

OBRIGAÇÕES DO ARREMATANTE: Eventuais débitos sobre o imóvel e todas as providências e despesas relativas à transferência do bem, tais como desocupação, ITBI, certidões, registro e outras despesas pertinentes, correrão por conta do arrematante, exceto eventuais débitos de IPTU e demais taxas e impostos, conforme o art. 130, “caput” e parágrafo único do CTN, (que possuem natureza “propter rem”), os quais ficam sub-rogados com o produto da arrematação.

DA ARREMATAÇÃO: O arrematante deverá assinar o auto de arrematação, conforme disposição do art. 903 do NCPC, (Qualquer que seja a modalidade do leilão, assinado o auto pelo juiz, pelo arrematante e pelo leiloeiro, a arrematação será considerada perfeita, acabada e irretratável, ainda que venham a ser julgados procedentes os embargos do executado ou a ação autônoma de que trata o § 4º, deste artigo, assegurada a possibilidade de reparação pelos prejuízos sofridos).

Mapa de localização
Leilão Judicial
StartUp Leilões
1º Leilão: 27/01/2022 às 13:00 R$ 150.000,00
2º Leilão: 17/02/2022 às 13:00 R$ 105.000,00
Incremento mínimo:
R$ 2.500,00
Avaliação:
R$ 150.000,00
Visitas:
117

Últimos lances:

Usuário Valor Data Tipo
Sem lances para exibir
Mapa de localização

Compartilhe esta oportunidade: